Produtos

Afinal, qual a diferença entre Roteirização e Determinação do Caminho Mínimo ? Técnicas para Otimiza


Na tentativa de explicar os conceitos de forma simples e rápida, apresentamos a seguir dois exemplos:

Primeiro exemplo: um vendedor precisa visitar 10 clientes, saindo e voltando para sua própria residência. Qual a melhor sequência de visitas para economizar seu tempo, combustível, etc.?

Na Figura ao lado:

Concurso da Procter Gamble de 1962 para Determinação do Caminho Mínimo.

Este concurso procurava uma solução de trajeto para visitar 22 cidades dos Estados Unidos sem repetir nenhuma das cidades e em percurso mais curto em distância.

Segundo exemplo: temos uma equipe de vendas e um conjunto de visitas que podem ser atribuídas a qualquer vendedor. Como distribuir, da melhor forma possível, estas visitas para os vendedores, de forma a montar seus trajetos de visitas?

O primeiro exemplo, na literatura especializada, recebe o nome de “Determinação do Caminho Mínimo”.

Podem ser apenas 2 pontos (inicial ou de partida e final, de destino) ou vários pontos. Os 2 pontos já mencionados mais os pontos intermediários. Cada ponto seria uma visita a um local diferente. Caminhos Mínimos em Tempo ou Km são variações possíveis do mesmo problema.

O segundo exemplo, nas mesmas fontes, recebe o nome de Roteirização.

A Roteirização envolve dois processos: Uma separação ou Agrupamento Ótimo das visitas por vendedor e depois a Determinação do Caminho Mínimo, este último, como já vimos.

É fácil observar que existem diferenças.

Mas, nas pesquisas da internet muito de Roteirização se tem oferecido como Determinação do Caminho Mínimo o que confunde as pessoas.

Por esta razão o leitor deve ficar atento para conhecer as diferenças por trás de um nome, principalmente quando necessitar distribuir automaticamente as visitas entre vários veículos, vendedores e técnicos de campo.

Em alguns casos, quando o trabalho de Distribuição envolver poucos veículos ou uma equipe pequena, a Determinação do Caminho Mínimo pode resolver. Até mesmo este processo poderá ser realizado manualmente.

Quando existirem Rotas Fixas, como é o caso de vendedores, promotores de vendas ou técnicos de campo que necessitam sempre visitar os mesmos locais e clientes de forma regular ou esporádica, a Determinação do Caminho Mínimo ainda se aplica, para obter economias durante os trajetos.

Mas, mesmo neste caso, é recomendável que utilize antes um processo esporádico de Roteirização para distribuir de forma mais econômica as visitas.

Qualquer que seja o caso, procure conhecer detalhadamente produtos de software adequados e conte com o pessoal da VisiLog quando precisar de mais esclarecimentos.

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

developed by Visilog - trade mark

  • Facebook - Grey Circle
  • LinkedIn - Grey Circle